A irregularidade impede o Schalke de traçar seus reais planos

Clube de Gelsenkirchen sofre com a inconstância em jogos na Bundesliga, o que torna seus objetivos ainda indecifrável

Resultado de imagem para schalke champions league
Voltar a Champions League, é o sonho. Mas será que é possível? (Na foto, a comemoração do gol da classificação para as oitavas de final em nossa última participação)
indecifrável
adjetivo de dois gêneros
  1. 1.
    impossível ou muito difícil de ser decifrado.

Fim da temporada de 2016/17! A única coisa que o Schalke pode comemorar na última temporada, foi o fim da mesma. Com péssimos resultados, eliminações, futebol de baixíssima qualidade, péssimo relacionamento entre jogadores e o técnico e outra cositas más. A solução, foi enxergada na mudança do técnico - Domenico Tedesco, é o apontado para a mudança em Gelsenkirchen.

O técnico, que é novo e tem ideias bem singulares frente a outros que já estiveram na beira do campo da Veltins-Arena, tem feito mudanças em todo a área do futebol do clube. As alterações já podem ser vistas, por exemplo o número de jogadores, que foi reduzido de 31 para 23 - o menor número em 7 anos. A forma de jogar também, a tentativa de um futebol vistoso e ofensivo é deixada de lado em alguns momentos, e os três zagueiros e jogos pragmáticos são características do time atual.

Entretanto, mesmo que com a mudança, um inimigo corriqueiro do Schalke nas últimas temporadas aparece. A inconstância. Os Azuis Reais não conseguiram mais do que duas vitórias consecutivas nas sete atuações de até então. A campanha se iniciou com vários altos e baixos, jogos com ótimas performances e partidas para se esquecer.

A questão, é que isso torna a situação do clube difícil, por não conseguir traçar um planejamento para a temporada. O Schalke 04 não conseguiu ir a Champions League nas últimas três temporadas, isso faz falta ao clube em diversos setores. Do financeiro por receber menos dinheiro de premiações, até ao próprio time dentro das quatro linhas, afinal, qual jogador não gostaria de jogar a maior competição de clubes do mundo?

Logo, a irregularidade torna complexo traçar a meta real que o clube pode alcançar. Champions League? Europa League? Ou até mesmo não incomodar ninguém e terminar no meio da tabela novamente? Por enquanto, fica complicado saber quais são as reais possibilidades, já que o desempenho é uma montanha-russa, ora joga extremamente bem, com um plano de jogo bem definido e aplicado, contra-ataques e defesa bem estruturados, ora um bando em campo.

Por exemplo, diante de RB Leipzig e Stuttgart. Mesmo não detendo a posse de bola em sua maioria, jogando de forma recuada mesmo que dentro de casa por muitas partes do jogo. Conseguiu dominar o campo e penalizar os adversários em seus erros mesmo sem ter a bola. Já contra o Hoffenhein e Hannover, os papéis se inverteram. Foi necessário propor o jogo e o time foi nulo em campo, não sabia como se portar dentro das quatro linhas.

O que o Schalke pode sim, voltar a Champions League. De fato é o desejo de todo o torcedor, que isso ocorra. Mas para isso, a gangorra deve cessar e o time achar o seu ponto de equilíbrio dentro de campo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.