O que acontece com o Wolfsburg?

   
           Wolfsburg na temporada 2015/16 (Foto: Divulgação)


Quem imaginaria que aquele time promissor do Wolfsburg na temporada 15/16 hoje estaria brigando para não cair para 2.Bundesliga? Pois é, quase ninguém, mas tem muita coisa por trás dessa “queda”.

Em 2015 a Volkswagen, acionista majoritária do Wolfsburg, teve que enfrentar seu maior escândalo na historia, a empresa foi acusada de colocar em seus veículos motores que adulteravam resultados em testes ambientais, com todo esse escândalo à tona o então presidente executivo da marca Martin Winterkorn renunciou ao cargo, após a renuncia uma nova diretoria assumiu a Volkswagen, essa diretoria entrou com a missão de “limpar” o nome da marca e fazer todo esse escândalo ficar no passado.

Em seu primeiro ato a nova diretoria anunciou um corte nos investimentos da marca em um bilhão de euros ao ano, essa medida foi tomada para que a própria Volkswagen pudesse se reinventar. É nesse ponto da historia que a decadência do Wolfsburg começa, com um enorme corte nos investimentos da Volkswagen, o clube acabou sendo afetado diretamente na sua gestão financeira, com o dinheiro curto a diretoria do clube não conseguiu manter grandes nomes do time na época, como Draxler, Naldo e Dost. Mas esse era só o começo do “drama” recente dos Lobos, sem dinheiro para manter grandes jogadores e para contratar grandes jogadores, o time teve que repor seus jogadores vendidos por outros de qualidade muito inferior.

Com um time pouco competitivo e fraco tecnicamente, o Wolfsburg se viu ao final da temporada 16/17 em meio a uma disputa de playoffs contra o Eintracht Braunschweig, mesmo vencendo os dois confrontos, o time não passou confiança a torcida que essa situação poderia ser mudada para a próxima temporada. Na atual temporada o time faz uma campanha fraca com apenas oito pontos conquistados em oito jogos.

Podemos afirmar que em curto a médio prazo  que essa situação vai continuar assombrando o Wolfsburg e que a única solução para os torcedores é torcer e rezar para que o pior não aconteça.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.