Claudio Pizarro - Uma Lenda em Atividade



A partida disputada entre Werder Bremen e Bayer Leverkusen pela Bundesliga no último domingo foi marcada por algo além dos 8 gols marcados e da sonora goleada dos leões – Foi o jogo em que Claudio Pizarro, uma lenda em atividade, quebrou mais um recorde: Com 40 anos, ele não só atingiu a marca de ter conseguido pelo menos um gol por temporada desde o ano de 1999, mas também se tornou o segundo jogador mais velho a marcar no campeonato, ficando atrás apenas do tcheco Miroslav “Mirko” Votava, que curiosamente, assim como o peruano, também marcou seu último gol pelo Werder Bremen e em uma partida em que foram derrotados.

O peruano chegou ao time de Bremen depois de chamar a atenção ao marcar 5 gols pelo time em que jogava em seu país natal, o Alianza Lima, em apenas uma partida durante o Torneo Apertura de 1999 e em sua primeira temporada na Alemanha, conseguiu o feito de ser considerado o jogador revelação.

Pizarro pelo Werder Bremen - 2011 (Getty Images)

No ano de 2001 ele foi contratado pelo Bayern München, onde chegou aos seus 100 gols na Bundesliga e onde conquistou 16 títulos em duas passagens, sendo:

  • ·         Bundesliga: 6
  • ·         Deutsche Pokal: 5
  • ·         Copa da Liga Alemã: 1
  • ·         Copa Intercontinental (Copa Toyota): 1
  • ·         UEFA Champions League: 1
  • ·         Copa Uli Hoeness: 1
  • ·         Supercopa da Europa: 1
  • ·         Mundial de Clubes da FIFA: 1


O jogador permaneceu no Bayern até 2007, ano em que foi para Londres e se tornou o primeiro peruano a jogar pelo Chelsea. Na Inglaterra, porém, seu desempenho não foi dos melhores, e após apenas uma temporada e dois gols marcados, em 2008 ele decidiu regressar ao Werder Bremen através de um contrato de empréstimo.

Na sua segunda passagem pelo Werder, ele marcou 17 gols em 26 jogos disputados, sendo que 6 deles foram em hat-tricks contra o Eintracht Frankfurt e contra o Hannover 96. Nesta passagem pelo time de Bremen, o peruano ainda desempenhou um importante papel na campanha que levou o time até a final da UEFA Europa League (onde acabou derrotado pelo Shakthar Donetsk por 2x1)..

Em 2012, o jogador andino voltou ao Bayern, onde ficou até 2015 para depois regressar ao Bremen novamente. Em julho de 2017, no entanto, ele saiu do clube e dois meses depois assinou com o Köln, onde permaneceu por 10 meses até ser recontratado pelo Werder por 500 mil Euros.

Pizarro pelo Bayern - 2015 (Reuters)
Desde que jogou no Werder Bremen pela primeira vez, o peruano marcou em 19 temporadas diferentes e chegou ao seu gol de número 193 na Bundesliga. Ele também é o maior artilheiro da seleção peruana ao lado do Nolberto Solano, com 20 gols.


Pizarro pela seleção peruana (Getty Images)



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.